You are here:-EDITORIAL

EDITORIAL: E se nos deixarmos de tretas?

By | 2019-08-05T11:31:15+01:00 Agosto 2nd, 2019|Categories: EDITORIAL|

Há 40 anos atrás os fundadores do SNS tiveram uma visão clara de futuro que se tem vindo a materializar até hoje. No entanto, tal como qualquer processo colaborativo, a criação de um SNS poderá ser vista como a construção de castelos na areia e sujeita às intempéries de um ambiente cada vez mais volátil, instável, complexo e ambiguo.

EDITORIAL: O impacto da sociedade 5.0 no G20

By | 2019-07-11T16:43:36+01:00 Junho 30th, 2019|Categories: EDITORIAL|

Como os meus caros leitores saberão da minha experiência compartilhada no LinkedIn (cf. The taste of Lemon), os títulos intencionalmente cativantes têm pouco impacto na geração de tráfego. No entanto, eu não pude resistir a encontrar este. Como a minha estimada colega Nathalie Berthier-Ortmann recentemente publicou, esta semana vai ser "quente em muitos países da

Água mole em pedra dura: um debate construtivo na redução de risco

By | 2019-05-03T17:08:26+01:00 Abril 29th, 2019|Categories: EDITORIAL|

Em muitos âmbitos da Saúde existe uma certa necessidade de fomentar guerras entre as posições antagónicas quando se trata de inovação. Para não sair do âmbito da redução de risco, quem não se recorda das polémicas em torno da metadona, um narcótico que se emprega em diversas abordagens terapêuticas mas, principalmente, no tratamento da toxicodependência

Cuidado com o efeito Boomerang

By | 2019-04-06T19:34:44+01:00 Abril 3rd, 2019|Categories: EDITORIAL|

Assistimos nos últimos meses a um extremar de posições relativas a uma realidade social que muitos consideram ser a maior pandemia dos nossos dias - a adição à nicotina pelo consumo de tabaco. É evidente que a invenção ou descoberta do consumo do tabaco, como a de outras substancias psicoativas, está tão enraizada no nosso

EDITORIAL: A liderança carismática patológica

By | 2019-03-05T13:08:43+01:00 Março 3rd, 2019|Categories: EDITORIAL|Tags: , , |

Sempre que um líder carismático, cai na tentação de se apaixonar por si próprio, e não ver os limites da razoabilidade das circunstâncias, entramos num perigoso processo de liderança patológica e não são poucos os casos que podemos observar nos dia de hoje.

EDITORIAL: Um Conselho de Administração para o conjunto do SNS?

By | 2019-02-05T17:30:12+01:00 Fevereiro 3rd, 2019|Categories: EDITORIAL|

Neste editorial defendo que uma possível saída para este déficit de confiança poderia ser já equacionada na próxima legislatura. Trata-se da criação de um SNS autónomo, gerido como um ente estatal empresarial, tal como a os comboios ou as estradas de Portugal.

EDITORIAL: O mito de um “estado forte” e a hora da verdade na saúde

By | 2019-01-07T12:25:01+01:00 Dezembro 30th, 2018|Categories: EDITORIAL|

Num ano em que se celebram o 40º aniversário do SNS, devemos estar conscientes que este setor conseguiu algo único em democracia. Enquanto a economia do país decresceu comparativamente à média mundial, a saúde dos portugueses tem vindo a melhorar paulatinamente e Portugal está hoje classificado entre um dos 15 melhores serviços de saúde no mundo. Graças, sem dúvida, ao empenho dedicado da maioria dos seus profissionais que, ao longo destas últimas 4 décadas, o converteram num caso de sucesso.

EDITORIAL: Uma conferência de alto nível

By | 2018-12-10T17:39:13+01:00 Dezembro 3rd, 2018|Categories: EDITORIAL|

Este passado mês de Novembro teve lugar a 13ª edição da Cimeira G20. Será este um número da sorte? Pelo que pudemos observar todos os líderes chegaram até ao final sem bater com a porta e foi asssinada uma declaração conjunta. Isto num contexto de uma acessa guerra comercial entre os EUA e a China

EDITORIAL: A mais elevada fatura em saúde?

By | 2018-11-06T10:44:11+01:00 Novembro 5th, 2018|Categories: EDITORIAL|

O mês de Outubro foi pródigo em grandes eventos em Portugal - Hintt, ExpoFarma e Congresso da Apifarma - e culminou com a aprovação de um Orçamento de Estado que traz um aumento de global de 5% para a despesa em Saúde. Um esforço assinalável que mostra bem a prioridade política que o Governo luso