You are here:-, Sin categoría-Distribuidores farmacêuticos propõem 10 medidas para melhorar o acesso ao medicamento em Portugal

Distribuidores farmacêuticos propõem 10 medidas para melhorar o acesso ao medicamento em Portugal

A Associação de Distribuidores Farmacêuticos – ADIFA criou uma agenda com 10 medidas prioritárias para melhorar o acesso da população ao medicamento e produtos de saúde. O documento visa estabelecer um acordo com o Governo, que promova uma discussão ativa sobre as prioridades para um setor que presta um serviço de interesse público, essencial ao bem-estar dos cidadãos.

O documento aqui disponível propõe uma série de medidas vitais à saúde dos portugueses e releva o valor acrescentado da distribuição farmacêutica no circuito do medicamento e na sociedade.

“Os distribuidores farmacêuticos de serviço completo asseguram o fornecimento atempado e adequado às farmácias de todo o território, funcionando como agentes de saúde pública e detentores de um papel dinamizador na economia nacional. Garantir o bem-estar da população através de uma distribuição eficaz é a principal finalidade da ADIFA e como tal, consideramos crucial colocar em marcha a estratégia que propomos para a XIV legislatura nacional”, Diogo Gouveia, presidente da ADIFA.

Entre as medidas sugeridas pela ADIFA, destacam-se a alteração do Estatuto do Medicamento, com deveres e direitos que assegurem um abastecimento adequado do mercado nacional; a transição de medicamentos dispensados exclusivamente em meio hospitalar para as farmácias comunitárias; o alargamento de alguns benefícios fiscais em outros setores, para a atividade de transporte de medicamentos e produtos de saúde; o reconhecimento dos distribuidores farmacêuticos como entidades prioritárias no acesso a combustíveis em crises nacionais; a garantia de mobilidade eficiente das viaturas de transporte de medicamentos, com circulação autorizada nas vias de trânsito reservadas.

A agenda foi apresentada no final do ano às entidades políticas e governamentais e seguiram-se audiências e reuniões com cada uma das instituições.

Photo by Laurynas Mereckas

By | 2019-12-09T19:53:15+01:00 Fevereiro 7th, 2020|Categories: NOTÍCIAS, Sin categoría|0 Comments

About the Author:

Leave A Comment